Thursday 14th of December 2017

logo

Home Artigos Gestão CARREIRAS ALTERNATIVAS
CARREIRAS ALTERNATIVAS PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
Seg, 31 de Maio de 2010 10:28


Está difícil encontrar oportunidades em ocupações tradicionais? Que tal conhecer as chamadas "carreiras alternativas" e se especializar em algo diferente? A sociedade muda, suas necessidades também, e com isso novas demandas tem aparecido. Quem sabe você não se identifica com alguma das opções alternativas a seguir e começa a trilhar seu caminho rumo ao sucesso?

 

 

A busca por novas oportunidades de trabalho, em um mercado onde o espaço para as profissões tradicionais é cada vez mais escasso e concorrido, está levando estudantes de todas as faixas etárias a encontrar nas chamadas “carreiras alternativas” um projeto de vida a longo prazo. Para quem não conhece, os nomes podem parecer bastante estranhos. Trendspotter, coffee tender, report e muitos outros, ainda desconhecidos pela maioria do grande público, são os hits do momento para quem procura novos nichos de conhecimento.

 

São profissionais que podem estar em todos os segmentos, incluindo o terceiro setor. – A contratação desses novos profissionais está concentrada nos segmentos onde são necessários e o seu talento pode ser agregador para os negócios; por exemplo, trendspotter, que são os chamados caçadores de tendências, podem atuar em firmas voltadas à moda. Profissionais muito talentosos nessa área podem se dar muito bem também abrindo uma empresa de consultoria na área e vender seus serviços para diversos clientes – explica Jorge Dias Souza, executivo de recursos humanos e autor do livro As chefias avassaladoras.

 

Já os baristas ou coffee tenders têm encontrado oportunidades nos bares temáticos, especializados em cafés diferenciados. Nessa linha das novas profissões há também os especialistas em compensation, report, personal stylist, personal friend, bokker, árbitro de conflitos, coach. “Cada vez mais velhas profissões vão virar paradigma zero, como datilógrafos, e muitas novas vão surgir e, sejam elas quais forem, a especialização, o talento, a atitude, o aprendizado contínuo e a determinação é que vão ser os diferenciais para o ingresso e a permanência no mercado de trabalho”, avisa.

 

No entanto, a formação desse novo profissional pode não estar dentro da sala de aula. Um dos diferenciais das carreiras tradicionais, cuja formação requer o aprendizado em uma instituição de ensino superior. – As universidades investem, sim, em especializações, mas, via de regra, com foco nas carreiras tradicionais, com algumas variações agregadas. Para essas novas profissões, vejo que compete ao profissional, por sua identificação e motivação com a atividade nova, buscar a sua especialização, ou em cursos livres ou na prática, até porque, algumas delas, não exigem formação superior, mas sim o talento nato e a vivência na atividade – explica Jorge Dias.

 

PESQUISA AJUDA NA ESCOLHA DA ATIVIDADE CERTA

 

Segundo Jorge Dias, outro enfoque que vale a pena ser ressaltado, é quando, a partir da prática em uma carreira, o profissional migra para uma nova. “Ele já tem estrada, a prática tradicional na área de benefícios, e aí poderá vir a atuar nesta nova carreira com muito mais possibilidades de sucesso”, avalia.

 

Para Roberto Recinella, consultor em gestão de pessoas, é essencial estar antenado nos segmentos em fase de crescimento, pois é neles que vão aparecer as oportunidades. – Pesquise. Além disso, coragem, determinação e competência são essenciais para mostrar resultados e vencer o descrédito do mercado em novas carreiras. O profissional deve ser apaixonado pelo que faz, já que para alcançar o sucesso, o principal é conciliar as habilidades pessoais. Atualmente, existem muitas áreas a ser exploradas, por isso as pessoas que não se encantam com carreiras tradicionais podem trilhar novos caminhos – recomenda.

 

FONTE: www.jbonline.com.br/carreiras

 

Última atualização em Seg, 07 de Junho de 2010 17:09
 

Fornecido por Joomla!. Designed by: Free Joomla 1.5 Theme, ecommerce hosting. Valid XHTML and CSS.